Smart home

Smart home: dicas de como montar uma casa inteligente

Atualmente, existem diversos dispositivos que não só facilitam a vida no dia a dia, mas também trazem mais segurança e automação para as residências. Saiba como montar uma smart home.

Compartilhe este artigo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Sumário

Você provavelmente já ficou cobiçando uma daquelas casas modernas, cheias de aparatos tecnológicos dos filmes ou das séries norte-americanas ou europeias. De fato, as smart homes ou, no termo brasileiro, as ‘casas inteligentes’ vem ganhando adeptos muito rapidamente em todos os cantos do mundo. As vantagem de ter uma se resume em comodidade. Afinal, quem não quer ter um café pronto na hora que acorda, escutar uma música sem precisar fazer nada ou ligar e desligar qualquer aparelho sem precisar de mexer? Pensando nisso, neste post damos algumas dicas de como montar uma smart home.

.

Smart home
A smart home aplica o conceito de internet das coisas

.

Pode parecer complexo e até caro, mas a verdade é que existem muitas variedades de sistemas no mercado que possibilitam a verdadeira experiência da casa inteligente sem comprometer tanto o limite do cartão de crédito ou o saldo da conta bancária. Hoje, na maior parte dos loteamentos pelo Brasil, muitas casas já são pensadas e projetadas para serem inteligentes. E é aí que entra a nossa primeira dica.

.

Quando uma smart home já nasce assim

Criar uma smart home do zero é mais fácil do que transformar a sua casa atual em inteligente. Não que esta segunda hipótese seja impossível (inclusive as próximas dicas servem para este caso também), mas quando o projeto inicial já é pensado no conceito smart, o resultado é muito mais eficiente.

Por isso, antes de tudo, consulte seu arquiteto sobre a possibilidade de adoção dos sistemas tecnológicos logo de cara. Muitos profissionais do ramo já estão preparados para projetar casas com essa qualidade ou, pelo menos, conhecem ótimos engenheiros e empresas capazes de criar sistemas internos de dar inveja a qualquer personagem rico de ficção.

Na fase de projeto, os profissionais contratados podem mostrar diversas opções de inteligência artificial e internet das coisas, que mais se adequam à sua necessidade e criem uma casa na medida, ou melhor dizendo, a casa dos seus sonhos.

.

Quanto custa uma smart home?

Quando pensando antes da obra, os projetos em geral já abrangem todos os pontos de uma casa inteligente. Quer dizer que os sistemas de iluminação, de som, fechaduras e de eletrodomésticos estão interligados. Desta forma, já é possível fazer um orçamento único, abrangendo todos os pontos.

.

casa inteligente
Projeto da smart home pode ser pensado desde o início ou adaptado depois que a casa está pronta

.

Os projetos de automação de uma casa variam bastante de preço, conforme a necessidade de cada pessoa, pois não são todos os lugares da casa que precisam estar com um sistema inteligente. Há quem prefira, por exemplo, priorizar apenas a iluminação. Enquanto isso, há aquelas pessoas que acreditam que uma smart home de respeito é a que possui um sistema de som potente. Há quem prefira apenas nos quartos, ou nos banheiros, ou na sala – e assim por diante. Neste caso, há projetos que variam de R$ 2 mil a R$ 10 mil.

Por outro lado, existe o conceito plug and play, onde o próprio morador implementa as instalações na casa com produtos e sistemas já prontos do mercado. Aqui, tanto o solo quanto o céu são os limites em termos de orçamento, pois existem uma infinidade de aparelhos disponíveis com diferentes preços, começando por R$ 50. Fica a seu critério, então, entender quais desses aparelhos são essenciais para sua vida cotidiana.

.

Principais sistemas de uma smart home

Existem vários tipos de sistemas que podem ser instalados numa casa. Os mais acessíveis no entanto, principalmente para quem quer fazer tudo sozinho, são os das grandes empresas de tecnologia que disputam este mercado no mundo inteiro: a Google e a Amazon.

Ambos têm como carro-chefe de seus sistemas os smart-speakers. No caso da Google, é o Nest, popularmente conhecido como Google Home. Da Amazon, é o Echo, que é popularmente conhecido como Alexa, nome da assistente virtual que conversa com o usuário.

.

echo dot
Google e Amazon disputam mercado das smarthomes com seus speakers e assistentes virtuais

.

Ambos os sistemas são acionados por meio dos speakers ou dos aplicativos no smartphone, conde é possível dar os comandos. Eles conseguem controlar quaisquer aparelhos que sejam compatíveis com a sua conexão ou, se não, que estejam ligados à rede elétrica por meio de smart plugs (tomadas com conexão wifi facilmente encontradas em lojas de materiais de construção).

Uma vez com o sistema todo configurado, com os aparelhos sincronizados nos respectivos aplicativos, é hora de aproveitar a casa inteligente, seja acionando cada aparelho remotamente ou programando os horários em que cada um deve entrar em funcionamento.

.

Smart home: conheça os tipos de aparelhos

Quase todos os eletroeletrônicos de uma casa podem ser controlados pelo sistema da smart home. Os principais deles são as smart TVs, aspiradores de pó, cafeteiras, fechaduras eletrônicas e lâmpadas.

Smart TV

Conectando a TV no app, é possível ligá-la´e desligá-la, além de selecionar o programa que irá passar e, quando possível, gravá-lo.

.

Smart TV já ligada ao sistema sem necessidade de tomada especial

.

Aspirador de pó

Os aspiradores de pó robôs são aqueles que fazem a limpeza da casa sozinhos, quando programados pra isso. Por meio da tecnologia, você consegue determinar o horário em que o aparelho começa a funcionar, podendo deixar a casa limpa antes de chegar nela, por exemplo.

.

Aspirador robô
Aspirador robô deixa a casa limpa enquanto todos estão fora

.

Cafeteira

Um dos trabalhos mais charmosos da casa inteligente é deixar o café pronto pela manhã. Para isso, basta deixar a cafeteira equipada e acionar seu funcionamento pelo app, por comando de voz, ou por um horário pré-determinado.

Fechaduras

As fechaduras eletrônicas inteligentes permitem saber quem entrou e quem saiu da casa durante o dia, abrir a porta remotamente para uma visita, mesmo que não se esteja em casa, cadastrar senhas temporárias para acesso ao imóvel e identificar tentativas de violação.

A tecnologia também é muito utilizada para acesso a câmeras de segurança.

Lâmpadas

Uma das funções mais utilizadas das smart homes é o controle da iluminação. Por meio do app ou dos speakers, você controle a intensidade de luz, a cor, quando acender ou apagar e até iniciar um modo festa.

.

Resumindo

As smart homes vem ganhando o gosto dos brasileiros. Por meio do conceito de internet das coisas, onde cada aparelho está conectado à rede e pode ser acionado remotamente ou em horário programado, os sistemas dão um toque moderno e tecnológico à casa.

.

Samrt home
Numa smart home, o lazer é mais frequente

.

O mais indicado é iniciar a costrução da casa inteligente já com os sistemas definidos. Assim, tudo já entra no orçamento de uma só vez. Se isso não for possível, você pode adotar o conceito plug and play e utilizar ferramentas disponíveis no mercado, desenvolvidos por empresas como Google e Amazon.

Com estes sistemas, você controla desde o acesso à sua casa até a iluminação, limpeza e cozinha.

Receba nossos conteúdos no seu e-mail. Fique por dentro das novidades da 1M2